Paraíba

Coluna

A Fome e a Pandemia no Peru

Imagem de perfil do Colunistaesd
Caminhantes da pandemia - moradores do campo que viajam para grandes ou médios centros urbanos para trabalhar - Imagem: Ernesto Benavides/AFP/JC
Fome e informalidade impediram o devido isolamento social, intensificando a propagação da doença

*Por Ellen Maria Oliveira Chaves; Marcelly Thaís Marques Ribeiro e Paola Aparecida Azevedo de Souza

O avanço tardio da proliferação da COVID-19 na América Latina proporcionou uma janela de oportunidade para a implementação das políticas preventivas ao contágio, bem como a preparação da estrutura dos sistemas de saúde e de seguridade social para evitar o colapso.  Ainda assim, essa região do sul global está sendo uma das mais afetadas, tanto pelo vírus quanto pela fome. 

O Peru foi um dos primeiros países latino-americanos a decretar a quarentena, a realizar testes de contágio e a implementar medidas econômicas para auxiliar os cidadãos vulneráveis. Apesar desses esforços governamentais em estabelecer a quarentena, o país registra 740 mil casos positivos e 30 mil óbitos pela Covid-19. Desde meados de março, o confinamento é obrigatório, contudo, vários fatores foram responsáveis pela progressão da pandemia no país. Por exemplo, devido à precarização do sistema de saúde do Peru, com poucos leitos de UTI, cerca de 250 antes da pandemia, o alto grau de velocidade de propagação do coronavírus foi fatal para muitos peruanos. Mesmo com o posterior fortalecimento do número de leitos de UTI, o governo não foi capaz de prover o atendimento necessário à população.  

Muitas famílias sem condições de comprar alimentos, pagar o aluguel e desassistidas pelo governo, abandonaram a região metropolitana e partiram, algumas até mesmo a pé


Com cerca de noventa óbitos a cada 100 mil habitantes, conforme um estudo feito pela Universidade Johns Hopkins, o Peru tem atualmente a maior taxa de mortalidade por Covid-19 no mundo, ficando na frente de países com uma quantidade muito superior de infectados, como os Estados Unidos, a Índia e o Brasil, que ultrapassaram quatro milhões de casos cada. Veja a comparação: o segundo e o terceiro países com maior taxa de mortalidade na América Latina (o Chile e o Brasil) têm uma relação de 60 e 58 mortes a cada 100 mil habitantes respectivamente. 

Devido à alta taxa de desemprego e ao desamparo para trabalhadores autônomos, a população encontra-se obrigada a sair às ruas para sanar suas necessidades. Com 70% da população ativa trabalhando informalmente, a saída de casa todos os dias para o trabalho foi inevitável e um dos principais fatores de disseminação da doença. O governo peruano também não implementou medidas apropriadas de distanciamento em lugares públicos, como o transporte coletivo, por exemplo. Outro fator que contribuiu para a saída constante de casa por parte da população foi a falta de condições básicas de conservar e manter alimentos. Segundo a Pesquisa Nacional de Famílias do Peru, pouco mais de 20% das famílias pobres possuem geladeira em casa, e isso implica a necessidade de idas frequentes ao mercado. 

O país destinou cerca de 12% do PIB para auxiliar a população, mas a informalidade entre os trabalhadores dificultou o repasse do amparo financeiro emergencial que foi destinado aos desempregados, trabalhadores autônomos e às famílias pobres. Com quase 60% da população adulta sem conta nos bancos, mesmo com a disponibilidade de meios digitais para o recebimento do benefício, muitas pessoas precisaram deslocar-se às agências para receberem o auxílio. 

Além disso, a concentração dos casos na capital Lima e na região metropolitana levou a um êxodo populacional das grandes áreas urbanas para as cidades do interior. Muitas famílias sem condições de comprar alimentos, pagar o aluguel e desassistidas pelo governo, abandonaram a região metropolitana e partiram, algumas até mesmo a pé, rumo às cidades pequenas em busca de apoio financeiro de outros familiares. 
A pandemia expôs e agravou todos esses problemas do país, da desigualdade à instabilidade política. Com a abertura do pedido de Impeachment do presidente Martín Vizcarra, a crise política agrava-se. O chefe de Estado peruano foi acusado de corrupção depois do vazamento de áudios que supostamente comprovam o beneficiamento do presidente a um amigo em negociações estatais. Em meio à grave crise sanitária, econômica e política, o futuro do Peru é incerto.  

O aumento da insegurança alimentar durante a pandemia não é um fenômeno isolado peruano. Em maio deste ano, o PMA (Programa Mundial de Alimentos) alertou que a pandemia tornaria 14 milhões de pessoas vulneráveis à fome na América Latina e Caribe. Contudo, ao olharmos especificamente para o caso deste vizinho sul-americano, notamos que a fome está particularmente associada à informalidade do mercado de trabalho. Esses dois fatores – a fome e a informalidade – impediram o devido isolamento social, intensificando a propagação da doença e dificultando a recuperação da economia. Fortalecer o mercado de trabalho formal, com seguro-desemprego, é uma lição para se preparar para as possíveis próximas pandemias.


-Acesse o blog www.fomeri.org do Grupo de Pesquisa sobre Fome e Relações Internacionais para acompanhar as principais notícias e relatórios de organizações internacionais sobre como a pandemia afeta a segurança alimentar e nutricional pelo mundo.

REFERÊNCIAS
BBC NEWS BRASIL. Coronavírus: como o Peru se tornou o país com a maior taxa de mortalidade por covid-19 no mundo. Disponível em: <https://www.bbc.com/portuguese/internacional-53974414>Acesso em: 17/09/2020.
BBC NEWS BRASIL. Coronavírus: por que o Peru não consegue conter a covid-19, apesar de quarentena e investimentos. Disponível em:<https://www.bbc.com/portuguese/internacional-52796852> Acesso em: 17/09/2020.

CORREIO BRAZILIENSE. América Latina e Caribe superam a Europa no número de infectados por covid. Disponível em: <https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/mundo/2020/07/04/interna_mundo,869290/america-latina-e-caribe-superam-a-europa-no-numero-de-infectados-por-c.shtml> Acesso em: 17/09/2020

EL PAÍS. Pandemia faz com que milhões de latino-americanos sejam incorporados ao sistema financeiro. Disponível em: <https://brasil.elpais.com/economia/2020-09-05/pandemia-faz-com-que-milhoes-de-latino-americanos-sejam-incorporados-ao-sistema-financeiro.html> Acesso em: 15/09/2020.

EL PAÍS. Em votação apertada, Congresso do Peru aprova abertura de processo de impeachment contra presidente. Disponível em: <https://brasil.elpais.com/internacional/2020-09-11/congresso-do-peru-debate-a-destituicao-do-presidente-vizcarra.html> Acesso em: 15/09/2020.

ESTADÃO. Cronologia: 20 anos de crises políticas no Peru. Disponível em: <https://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,cronologia-20-anos-de-crises-politicas-no-peru,70003434180> Acesso em: 15/09/2020.

ESTADÃO. Governo peruano diz que opositores buscaram apoio de militares em processo de impeachment. Disponível em: <https://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,governo-peruano-denuncia-que-opositores-buscaram-apoio-de-militares-em-processo-de-impeachment,70003435653> Acesso em: 15/09/2020.

O GLOBO. Com recorde global de mortes, Covid-19 expõe Estado frágil no Peru. Disponível em: <https://oglobo.globo.com/mundo/com-recorde-global-de-mortes-covid-19-expoe-estado-fragil-no-peru-1-24614671> Acesso em: 15/09/2020.

GAZETA DO POVO. Brasil sobe no trágico ranking mundial da taxa de mortalidade por coronavírus. Disponível em: <https://www.gazetadopovo.com.br/vozes/certas-palavras/coronavirus-mortalidade/> Acesso em: 17/09/2020.

REBELIÓN. Éxodo de peruanos por hambre y temor al Covid-19. Disponível em: <https://rebelion.org/exodo-de-peruanos-por-hambre-y-temor-al-covid-19> Acesso em: 17/09/2020

THE NEW YORK TIMES. Peru Launches Impeachment Hearings Against President. Disponível em: <https://www.nytimes.com/2020/09/11/world/americas/peru-impeachment-president-martin-vizcarra.html?searchResultPosition=1> Acesso em: 15/09/2020.

THE NEW YORK TIMES. Virus Exposes Weak Links in Peru’s Success Story. Disponível em:<https://www.nytimes.com/2020/06/12/world/americas/coronavirus-peru-inequality-corruption.html> Acesso em: 17/09/2020.

UOL. Peru registra recorde diário de mortos por coronavírus. Disponível em:<https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/afp/2020/06/11/peru-registra-recorde-diario-de-mortos-por-coronavirus.htm> Data de publicação: 11/06/2020

VERMELHO. Peru assiste a um êxodo da fome durante a crise. Disponível em: <https://vermelho.org.br/2020/04/24/peru-assiste-a-um-exodo-da-fome-durante-a-crise-do-coronavirus/> Acesso em: 17/09/2020.

WFP. Millions risk severe food insecurity in Latin America and Caribbean. Disponível em: <https://www.wfp.org/news/covid-19-millions-risk-severe-food-insecurity-latin-america-and-caribbean> Acesso em: 17/09/2020.

WORDOLMETER. Coronavirus cases. Disponível em: <https://docs.google.com/document/d/1nGjy5a1RY9EXVvoDQQGGs99r0zUBohGFU-Te3cILn0Q/edit?pli=1> Acesso: 17/09/2020.

Edição: Cida Alves